30 de novembro de 2012

"... pessoas que acham que os livros são os lugares onde se encontram as respostas pra vida. É o contrário, nos livros estão as perguntas. Por isso nazistas queimavam livros,a Igreja na Inquisição queimava livros e cretinos fundamentais ainda querem proibir vários deles vez ou outra, por todo canto. Porque pra manter a ordem, pra que todos fiquem quietinhos em seus lugares, falando baixinho, é preciso que creiam em verdades absolutas, imutáveis, concretas. Os bons livros fazem o contrário. Bagunçam. Atrapalham. Colocam pulgas atrás da orelha, pedras no sapato.Sussurram diante das verdades mais sólidas: e se? E por que não o contrário?"

(Trecho do livro "Adulterado" de Antonio Prata, da crônica Inútil e Fundamental)
"... pessoas que acham que os livros são os lugares onde se encontram as respostas pra vida. É o contrário, nos livros estão as perguntas. Por isso nazistas queimavam livros, a Igreja na Inquisição queimava livros e cretinos fundamentais ainda querem proibir vários deles vez ou outra, por todo canto. Porque pra manter a ordem, pra que todos fiquem quietinhos em seus lugares, falando baixinho, é preciso que creiam em verdades absolutas, imutáveis, concretas. Os bons livros fazem o contrário. Bagunçam. Atrapalham. Colocam pulgas atrás da orelha, pedras no sapato.Sussurram diante das verdades mais sólidas: e se? E por que não o contrário?"

 
(Trecho do livro "Adulterado" de Antonio Prata, da crônica Inútil e Fundamental)