13 de outubro de 2012

Foto: “Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que confesso não tem importância.”
Fernando Pessoa
“Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que confesso não tem importância.”
 
 
Fernando Pessoa