30 de setembro de 2012


"Você me pede um conselho e atrevidamente eu dou o Grande Conselho: seja você mesmo, porque ou somos nós mesmos ou não somos coisa nenhuma. E para ser si mesmo é preciso um trabalho de mouro e uma vigilância incessante na defesa, porque tudo conspira para que sejamos meros números, carneiros de vários rebanhos - os rebanhos políticos, religiosos, estéticos. Há no mundo ódio à exceção - e ser si mesmo é ser exceção. Então, nada nada de imitar seja lá quem for! Temos de ser nós mesmos. Ser núcleo de cometa, não cauda. Puxar fila, não seguir! Exceder-se, construir."

 

— Monteiro Lobato.