12 de julho de 2012


"Trago no olhar visões extraordinárias, De coisas que abracei de olhos fechados..."
 

Florbela Espanca