12 de setembro de 2011

 
"Nada jamais continua,

Tudo vai recomeçar!



E  sem  nenhuma  lembrança

Das  outras  vezes  perdidas".

Mário Quintana