24 de setembro de 2011

Mas entre essas estrelas vivas,
tantas janelas fechadas, tantas estrelas extintas,
tantos homens adormecidos
O interesse, em primeiro lugar, manda viver
Tu não compras nem a alegria,
nem a saúde, nem o amor verdadeiro.
Não compra as estrelas.
Vim também a saber que aprender a
orar é aprender o silêncio.
E que o amor só começa
onde não há nenhuma dádiva a esperar.

(Saint-Exupéry)