27 de agosto de 2011


Não lemos e escrevemos poesias porque é bonitinho

Lemos e escrevemos poesia porque somos membros da raça humana

E a raça humana está repleta de paixão

Medicina, advocacia, administração e engenharia

São objetos nobres e necessários para manter-se vivo

Mas a poesia, beleza, romance, amor

É para isso que vivemos



Sociedade dos poetas Mortos